Farmais
Português Brasileiro Spanish English French German Italian Ukraine Chinese Japanese
  Início » Saúde e Nutrição » Cuidados alimentares e nutrição para portadores de HIV/SIDA Carrinho de Compras  |  Encomendar   
Pesquisa
 

Categorias
Marcas
Novidades mais
Informação
Entregas Gratuitas
Como Comprar
Pagamento
Envio

Cartão de Cliente
Vantagens Farmais
Perguntas Frequentes
Serviços e Consultas
Privacidade e Segurança
Condições de Utilização
Parcerias

Revenda Yodeyma

Catálogo Farmais
Ver todos os Produtos

Mapa do Site
Programa de Afiliação
Login Afiliado
Informação
FAQ Afiliação
Cuidados alimentares e nutrição para portadores de HIV/SIDA


As pessoas com Aids, Síndrome da Imunodeficiência Adquirida, podem ter uma esperança de vida prolongada e de forma mais independente, devido a cuidados de nutrição e alimentação que protegem o sistema imunitário.

O Que é o HIV e a AIDS?

O HIV é um vírus, o Vírus da Imunodeficiência Humana. Causa danos ao sistema imunitário e conduz a uma condição denominada AIDS, Síndrome da Imunodeficiência Adquirida. Um sistema imunitário pouco saudável implica que as pessoas que vivem com AIDS tenham um risco muito superior de contrair infecções e condições que normalmente o sistema imunitário consegue combater.

Até 1996, um diagnóstico de AIDS conduzia à morte em 3-4 anos. Em 1996, a investigação médica levou à introdução de uma combinação de terapias medicamentais, o que significou uma melhor saúde para as pessoas que viviam com HIV e com Aids. A partir de 1996, a taxa de mortalidade decresceu bastante em todo o mundo.

Continua a verificar-se, contudo, um grupo de pessoas para quem os efeitos secundários da medicação são muito debilitantes, ou para quem as drogas simplesmente não funcionam. Este grupo de pessoas correm o risco de serem postas de parte e descriminadas, mesmo dentro da comunidade de pessoas afectadas com Aids. São também estas pessoas que mais necessitam de cuidados especiais com a alimentação e ter em atenção as necessidades de nutrição de uma doença como a Aids.

Os efeitos secundários dos medicamentos para a aids e os efeitos do HIV no organismo podem causar uma série de sintomas debilitantes, que incluem náuseas, diarreia, mobilidade limitada (causada por neuropatia periférica) e inflamação dos nervos, especialmente nas mãos e nos pés.

Como o HIV é transmitido?

O HIV é transmitido através de sémen, fluidos vaginais ou sangue transferido de uma pessoa infectada com HIV. Ninguém apanha aids através de contacto casual, cozinhar ou tocar em alguém infectado com HIV. Desde a epidemia de aids, no inicio dos anos 80, não houve casos de transmissão de HIV casual. Os poucos casos relacionados com trabalho são na sequência de ferimentos com seringas, principalmente nos hospitais. É hoje amplamente reconhecido que a utilização de normas comuns de segurança ao lidar com derramamentos de sangue ou fluidos é uma forma eficaz de impedir a transmissão de aids.

 

Aids e a Nutrição

Uma boa nutrição e cuidados com a alimentação são condições essenciais para um sistema imunológico saudável. No entanto, uma pessoas com HIV / Aids pode ter dificuldades em conseguir assegurar uma boa nutrição por um conjunto de razões. Tanto o próprio vírus HIV como os medicamentos utilizados para o combater podem causar uma multiplicidade de problemas que em última instância afectam a saúde nutricional do doente.

Náuseas crónicas, alteração do paladar, perda de apetite, dificuldades em mastigar ou engolir ou a falta de dinheiro para comprar alimentos, são factores que podem levar a que as necessidades nutricionais não sejam cumpridas. Mesmo quando o doente é capaz de comer e beber, pode haver uma diminuição das quantidades de nutrientes absorvidos devido a diarreias. A diarreia é um dos mais comuns efeitos secundários da medicação para a aids.

Uma infecção de HIV descontrolada pode também aumentar a taxa metabólica, resultando em necessidades de energia muito mais elevadas.

Todos estes problemas de má absorção e do aumento das necessidades de energia, e por consequência, de nutrientes, pode levar a uma rápida perda de peso. Esta perda de peso, sobretudo de proteínas musculares, provoca um elevado cansaço, tornando-se ainda mais difícil comprar alimentos, cozinhar, ou mesmo comer. A perda de peso também reduz a capacidade do sistema imunológico de combater outras infecções e doenças.

Devido à natureza mutável do vírus HIV e regimes de tratamentos, os sintomas e necessidades dietéticas podem variar muito de mês para mês, ou mesmo de semana para semana. Por exemplo, um doente com aids pode sentir-se bem num mês e logo no mês seguinte apresentar sintomas de diarreia e náuseas intensas.

Seguem-se algumas indicações de alimentação para a aliviar os sintomas de aids:

a) Perda de Peso

É muito importante para doentes de aids com desperdício ou perda de peso tentar reconquistá-lo.

É importante nestes casos seguir uma alimentação mais rica nos sectores da energia e da proteína. Os alimentos ricos em proteínas, como carnes, peixe ou frango, alimentos lácteos, frutos secos e leguminosas ajuda a reconstruir os músculos e estimular o sistema imunológico, enfraquecido pelo HIV. A energia de fontes de gorduras saudáveis (gorduras polinsaturadas e monoinsaturadas) promove também o ganho de peso. Contudo, uma dieta rica alimentos energéticos não é recomendada caso o doente tenha diarreia severa causada pela aids.

Poderá também consumir snacks rápidos de elevado valor energético. As sugestões incluem queijo, biscoitos, bolos, frutos secos, azeitonas, leite e iogurte.

b) Perda do Apetite

As náuseas e as mudanças causadas pela medicação da aids podem causar um decréscimo ou mesmo perda do apetite. Neste caso, importa nutrir o corpo com alimentos líquidos ou liquefeitos, como sopas ou batidos. É também preferível tomar refeições pequenas, mas mais frequentes ao longo do dia, em vez de duas ou três grandes refeições, uma vez que o organismo consegue tolerar melhor esta forma de alimentação.

Para evitar os cheiros fortes dos alimentos, que muitas vezes causa náuseas, poderá optar por alimentos frios, como sandes, saladas, sobremesas frias, frutas, etc.

c) Diarreia

A diarreia pode ser causada por infecções ou alguns tipos de medicação. Nestes casos, o melhor tipo de alimentação é uma dieta com poucas fibras, já que as fibras insolúveis podem agravar a diarreia e são encontradas no pão, arroz integral, frutas e legumes com casca e sementes (as frutas e legumes sem casca devem ser encorajadas).

Deve beber muitos líquidos. A diarreia pode causar desidratação grave, pelo que a ingestão de fluidos é essencial.

Alimentos ricos em gorduras, fritos, bolos, salsichas, enchidos, molhos, etc, podem agravar a diarreia. Deve-se ter um especial cuidado para alimentos lácteos, já que a lactose é o açúcar encontrado no leite de vaca ou cabra e pode também agravar a diarreia. Consuma leite de soja ou leite com redução de lactose como alternativa. O iogurte e queijo, geralmente não causam problemas.

Segurança Alimentar

Geralmente, o corpo humano está bem equipado para lidar com a intoxicação alimentar. No entanto, as pessoas com aids e com sistema imunitário enfraquecido têm um risco acrescido de contrair uma doença de origem alimentar. Por isso, e em especial em casos de doentes com aids, é importante seguir directrizes básicas de precaução e segurança alimentar, tais como:

- Lavar as mãos antes de uma refeição

- Descongelar os alimentos congelados no frigorífico ou num forno microondas, e não à temperatura ambiente

- Não deixe alimentos perecíveis, como leite, queijo, ovos ou restos de carne, à temperatura ambiente por um período superior a duas horas

 

Fonte: Alimentação Saudável

Este artigo foi publicado em Segunda, 13 Abril 2009.
Parafarmacia
Compras mais
0 produtos
Os Mais Vendidos

2x1 Raspberry Ketone Plus capsulas - Cetona de Framboesa" title="2x1 Raspberry Ketone Plus capsulas - Cetona de Framboesa">2x1 Raspberry Ketone Plus capsulas - Cetona de Framboesa
<font color="blue"><b>2x1 </b></font>Raspberry Ketone Plus capsulas - Cetona de Framboesa

Control Adapta Retard
Control Adapta Retard

Creme de Rosto Veneno de Víbora
Creme de Rosto Veneno de Víbora

Protezon Forte
Protezon Forte

Green Coffee Cápsulas
Green Coffee Cápsulas

Innéov Densilogy
Innéov Densilogy

Arkocápsulas Laranja Amarga 80 Cápsulas
Arkocápsulas Laranja Amarga 80 Cápsulas

Green Coffee Maxi-Plus Kit
Green Coffee Maxi-Plus Kit

Clear Blue Digital Teste de Gravidez
Clear Blue Digital Teste de Gravidez

Óleo Bronzeador Urucum Canela 200ml
Óleo Bronzeador Urucum Canela  200ml
Moeda
Testemunhos mais

Gostei muito..Esclareceram as minhas dúvidas. Obrigado!...

Leia Mais


Sara     
Localize a sua encomenda:



Dieta Já

Farmais - Catálogo Feed
© 2009 farmais - a sua parafarmacia online de eleição e confiança
Licenciamento Infarmed 63/2005 e 215/2006
parafarmacia, parafarmácia, parafarmacia online, parafarmácia online, emagrecimento, saúde, bem-estar